Lyslaine Sato

Ensaio opcional (10/03/2017)

O Dogma Central da Biologia Molecular foi proposto por Francis Crick em 1970, a obra apresenta como ocorre o fluxo de informações em sistemas biológicos, como o código genético é mantido e transmitido na célula. O fluxo de informação genética segue o sentido DNA – RNA – Proteínas. O DNA armazena a informação genética, que é a sequência linear de nucleotídeos representada pelas letras A, T, C e G. O DNA pode ser transcrito em moléculas de RNA, uma molécula de DNA serve como molde para a criação de uma molécula de RNA (que é quimicamente semelhante e utiliza código de nucleotídeos semelhantes ao DNA). No RNA é encontrado o código usado para organizar a sequência de aminoácidos e formar as proteínas no processo de tradução. A informação da sequência de nucleotídeos é traduzida em uma sequência de aminoácidos, que dão origem a proteína. O Dogma Central é a base de tudo o que somos.

Correção por Beatriz Machado Gomes:
1. Usar um ponto final na primeira sentença após 1970.
2. Ao quê você se referiu em "O DNA armazena a informação genética, que é a sequência linear de nucleotídeos…"? A "sequência linear de nucleotídeos" se refere à "informação genética" ou ao "DNA"? Ficou um pouco confuso, pois como o DNA é dupla fita seriam duas sequências de nucleotídeos… ou não… hehehe. :)
3. Ponto final depois de a sentença "O DNA pode ser transcrito em moléculas de RNA".
4. Seria interessante você usar a última sentença do parágrafo como a "topic sentence", conforme o Daniel explicou na aula.

Ensaio 1 (17/03/2017)

Existem diversos conceitos distintos de espécies, e os critérios adotados para a delimitação e descrição de uma espécie nova variam de acordo com o grupo de organismos estudado. Os estudos baseados em sequências de DNA e marcadores moleculares é uma ferramenta muito utilizada a descrição de espécies e reconstrução da história evolutiva de organismos. Os dados moleculares associados a outros métodos complementam o conhecimento e corroboram hipóteses filogenéticas e evolutivas. A delimitação de espécies é fundamental para o conhecimento da diversidade biológica.

Correção: Rosana Cunha

A proposta do texto foi bem interessante. O conceito de espécie é bastante debatido e o uso de novas ferramentas para delimitar espécies e resolver problemas taxonômicos é assunto recorrente nas pesquisas científicas. A discussão em sala de aula gerou vários cometários que poderiam ter sido utilizados na escrita do seu parágrafo. O texto ficou muito repetitivo, não só de palavras, mas também de ideias. Não leve para o lado pessoal, mas se eu fosse sua revisora, pensaria que estava com preguiça de desenvolver argumentos para defender sua proposta. Sua frase inicial, que deveria ser sua "topic sentence", não foi bem desenvolvida ao longo do parágrafo. Quando a li, pensei: "nas próximas frases ela irá colocar exemplos de delimitação e descrição de espécies em diferentes grupos" ou algo relacionado a isso, mas houve uma ruptura desse pensamento. Você começa uma nova linha de raciocínio que não havia sido introduzida anteriormente, houve uma "quebra" na construção da ideia principal. Sua "topic sentence" é a frase de efeito do seu parágrafo, é ela que vai "chamar a atenção" (ou não) do seu revisor para o que você está prestes a apresentar. Dê muita (muita mesmo!) atenção quando for escrever esta frase; ela tem que ser bem construída, objetiva e abordar a ideia principal que você vai desenvolver no seu texto. Suas frases ficaram muito longas, tente trabalhar melhor sua escrita telegráfica no próximo, ok. Também tenho muita dificuldade com isso, mas com a prática a gente consegue!

Att.

Ensaio 2 (24/03/2017)

A deriva genética é um mecanismo de evolução estocástico. No efeito estocástico, os eventos são aleatórios porem se conhece os prováveis resultados, fixação ou extinção das modificações alélicas na população. Ocorrem modificações gênicas aleatórias nas populações. A frequência de um alelo pode variar aleatoriamente ao longo do tempo tendo causas diversas. A cada geração a frequência de um alelo pode aumentar ou diminuir. A frequência que este alelo é encontrado na população ao final de um determinado tempo irá determinar a sua fixação e a ausência do alelo a sua extinção.

Unless otherwise stated, the content of this page is licensed under Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License